Como evitar doenças na Piscina

Como evitar doenças na Piscina

Fique seguro em piscinas

A primeira dica vai parecer crença popular, tal qual como "evitar manga com leite" mas é verdadeiramente eficaz e abandonada pelas piscinas públicas em geral : "TOME UMA DUCHA ANTES DE ENTRAR NA PISCINA". Uma grande quantidade de agentes nocivos são descartados em uma única ducha.

A BIOSINDICO disponibiliza avisos e faz a comunicação logo na chegada dos banhistas. Cobre a sua empresa que faça o mesmo!

A segunda dica, de pouca atenção por parte das "empresas especializadas" é o entorno da piscina. O cloro da água jogada no entorno evapora muito rapidamente. A proliferação de fungos é imediata, assim como proliferam rapidamente em paredes com vazamentos, só para ilustrar o exemplo. Ao secar totalmente, os fungos ali instalados entram em contato direto com as solas dos pés dos banhistas. Micoses diversas (unhas, pés, dedos, entre dedos, etc.) são oriundas desta forma de contaminação. Mas existem formas mais graves de doenças de pele possíveis por esta contaminação. 

A BIOSINDICO se preocupa com a limpeza das pedras do entorno da piscina usando produtos de ações prolongadas, para evitar a proliferação de fungos e bactérias.   Cobre a sua empresa que faça o mesmo!

Terceira dica é o balanceamento quimico da água. Já notou como no verão doenças como otite e conjuntivite "explodem"? Isso pode estar ligado ao uso de piscinas desequilibradas quimicamente. A pouca proporção de cloro pode causar a proliferação de virus e bactérias. O excesso de cloro causa um "envenenamento" do corpo e é responsável por dores agudas, sensações de queimaduras, irritação nasal e/ou nos olhos e desconfortos como nauseas. Em geral, se usa apenas 4 gramas de cloro para cada 1.000 litros de água. Piscinas claras e cristalinas não são sinonimos de piscinas seguras e balanceadas.

A BIOSINDICO mede a cada três horas : A alcalinidade da água (100 ppm), o PH da piscina (7,2) , o teor de cloro livre (2 ppm) e a "dureza" da água (300 ppm). A "dureza" da água pode impedir a ação do cloro e são poucas as "empresas especialistas" que fazem esta medição. 

LEGALIZAÇÃO PISCINA CBERJ
LEGISLAÇÃO GUARDIÃO DE PISCINA RJ
             BOTÃO DE EMERGÊNCIA            

Palavras chaves: piscina, tratamento de piscina, guardião de piscina, legalização piscina

(21) 9 8333-0839 (Whatsapp)
 faleconosco@biosindico.com.br
 Rio de Janeiro - RJ